Join us
Login

Novo ambiente digital muda cultura na Eurofarma

Published by Stela Lachtermacher
June 25, 2020 @ 11:31 PM

O trabalho em home office não fazia parte da cultura da empresa

Manter a chama da segurança acesa, o que nem sempre é fácil. Este foi apontado pelo diretor de Tecnologia da Eurofarma, Daniel Ferreira, como um dos maiores desafios para reduzir os riscos ligados à segurança da informação durante um período como o que estamos passando. E completou: em um período como este a balança fica mais pesada para o nosso lado, de líderes de Tecnologia da Informação. Ele foi um dos diretores de TI participante do Encontro CIONET desta manhã sobre “Como garantir segurança no NOVO ambiente digital?”.

A Eurofarma é a primeira indústria farmacêutica multinacional com capital brasileiro. A empresa familiar de 48 anos possui sete mil colaboradores, dos quais 5,5 mil no Brasil, e opera em 20 países. O home office foi uma das mudanças da pandemia. Segundo Ferreira, a empresa não tinha esta cultura e sua implementação requereu um trabalho junto à direção e aos colaboradores mostrando ao mesmo tempo a necessidade e os riscos envolvidos.

Ele contou que neste processo a equipe de segurança aumentou, foram realizadas uma série de ações como implementação de segundo fator de autenticação e o uso de tecnologias como Inteligência artificial para neutralizar as ameaças. E mais, outras providências em andamento são token para todos os usuários; reestruturação dos back ups e site de contingência; a padronização e replicação da política de segurança para todos os países; adequação à LGPD; seguro cibernético e campanhas de conscientização e treinamento com todos os funcionários.

Posted in:CIONET Brazil

You May Also Like

These Stories on CIONET Brazil

Subscribe by Email

No Comments Yet

Let us know what you think